Ubatuba busca resultado no encontro entre Escolas de Surf - EsporteNaRede

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Ubatuba busca resultado no encontro entre Escolas de Surf

Após vencer a abertura do circuito no quintal de casa, a escola Municipal de Ubatuba quer manter o bom desempenho neste fim de semana (12 e 13 de setembro) na segunda etapa do circuito Dafiti Sports apresenta Encontro Paulista entre Escolas de Surf 2015, que acontece no Canto Mágico, na praia da Baleia, em São Sebastião (SP).

Colaboração de Fotos: Munir El Hage
Colaboração de texto: Nancy Geringer

Uma das mais tradicionais do Brasil, atuando desde 1995 na formação de talentos, a escola de Ubatuba levará dois times para a disputa. Na primeira etapa, o destaque ficou por conta da performances de Mateus Pires e Nahiara Bulhões, que mostraram que a cidade considerada a ‘capital do surf’ segue muito bem representada.

“Vamos com a melhor expectativa possível. Nosso trabalho é contínuo e estamos preparados para este circuito desde fevereiro passado. Vamos para participar de mais esta etapa focados na vitória”, comenta Fábio Lima, coordenador do setor de surf da Prefeitura Municipal de Ubatuba.

Para Lima, circuitos como este são fundamentais. “É primordial para a iniciação competitiva destes atletas”. Com inscrição gratuita, a competição destaca-se pela revelação de talentos e permite a participação de equipes compostas por até quatro surfistas nas categorias Petit (nascidos a partir de 2005), Estreante (a partir de 2003), Iniciante (nascidos de 2001 em diante) e Feminino (a partir de 1999), além de um técnico responsável. Cada escolinha pode inscrever quantos times desejar, desde que compostas por apenas quatro competidores.

Realizada no formato tag team, a prova não permite participação dos Tops-8 nas categorias Iniciantes, Estreantes e Petit nos rankings 2014 e 2015 do circuito Hang Loose Surf Attack e Rip Curl Grom Search. “O foco é descobrir talentos, bem como promover o espírito de união e trabalho em equipe. Optamos por realiza-la neste formato, pois isto torna a disputa muito mais empolgante para atletas e público. Ao disputar em equipe, tiramos a responsabilidade de uma prova individual do surfista inexperiente. Também há a preocupação com a escolha dos locais do evento e as ondas da Baleia são perfeitas para estes jovens competidores”, explica Dadá Nascimento, diretor de prova e organizador do evento.

Na areia, uma mesa de frutas abastece a garotada que conta ainda com atividades como cama elástica, cabo de guerra, corda e queimada. Entre as diferenças relacionadas aos eventos normais está o tempo das baterias, com cerca de 30 a 40 minutos, e o fato de cada surfista surfar até três ondas (ainda a ser definido pelo diretor de prova). Um competidor coringa levanta os dois braços imediatamente após sua melhor onda e poderá dobrar sua pontuação. Não existe descarte de ondas. Serão somadas todas as ondas surfadas por cada atleta, mais a dobrada pelo coringa.

Inscrições devem ser enviadas (com ficha completa) até a quinta-feira que antecede o evento para o e-mail dadaasgsp@hotmail.com. Depois de São Sebastião, o circuito chega à reta final nos dias 17 e 18 de outubro, no Quebra-Mar, em Santos (SP).

A segunda etapa do Dafiti Sports apresenta Encontro Paulista entre Escolas de Surf 2015 tem patrocínio de: Expresso Jundiaí, Rumo All, Unimodal. Apoio: Federação Paulista de Surf (FPS) e Associação de Surf de São Sebastião e Prefeitura Municipal de São Sebastião. Organização: Associação de Surf da Grande São Paulo, Event Tools e Sumatra Marketing Esportivo.


Resultado 1ª etapa:
1º) Ubatuba 01
2º) Ubatuba 02
3º) Adriano Camargo (Juqueí)
4º) Escola de Surf do Zecão



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad