Filipe Toledo desfalca o Brasil na Austrália - EsporteNaRede

sábado, 19 de março de 2016

Filipe Toledo desfalca o Brasil na Austrália

Os tops da elite da World Surf League já estão escalados no Rip Curl Pro Bells Beach sem o brasileiro que tirou a primeira nota 10 do ano e se contundiu nas semifinais do Quiksilver Pro Gold Coast.

Colaboração de texto: João Carvalho/WSL
Colaboração de foto: Kelly Cestari/Kirstin Scholtz/WSL

O melhor surfista na abertura da temporada 2016, recordista absoluto do Quiksilver Pro Gold Coast com a primeira nota 10 do ano, está fora das outras duas etapas da "perna australiana" do Samsung Galaxy World Surf League Championship Tour. A contusão de Filipe Toledo na virilha da perna esquerda, sofrida no aéreo que arriscou durante as semifinais, foi grave e seu nome já nem aparece nas baterias do Rip Curl Pro Bells Beach, que começa no dia 24 e vai até 5 de abril no sul da Austrália. Filipe já iniciou tratamento para tentar voltar a competir no Oi Rio Pro, etapa brasileira da Liga Mundial de Surf que ele venceu no ano passado e está confirmada para os dias 10 a 21 de maio no Postinho da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Além de Filipe, o Brasil continua desfalcado do catarinense Alejo Muniz, que ainda se recupera de uma cirurgia no joelho. Já as outras duas novidades na "seleção brasileira" vão estrear juntos nas direitas de Bells Beach, na bateria que abre o segundo desafio do Samsung Galaxy WSL Tour 2016 na Austrália. Os paulistas Caio Ibelli e Alex Ribeiro disputarão a primeira classificação direta para a terceira fase com o francês Jeremy Flores.

Depois entram os três únicos cabeças de chave do Brasil no Rip Curl Pro. O potiguar Italo Ferreira está na terceira bateria com o americano Kanoa Igarashi e o australiano Adam Melling. Na seguinte, Gabriel Medina e outro novato dos Estados Unidos na elite, Conner Coffin, aguardam seu terceiro oponente da triagem ou convidado. O atual campeão mundial, Adriano de Souza, também está na sexta bateria somente com o taitiano Michel Bourez por enquanto.

Mineirinho foi vice-campeão desta etapa no ano passado em uma final que acabou empatada, com o australiano Mick Fanning levando a melhor por ter tirado a maior nota da bateria. Depois de Adriano, tem o também paulista Miguel Pupo contra os australianos Joel Parkinson e Taj Burrow na oitava bateria. Na seguinte, Matt Wilkinson estreia com a lycra amarela de número 1 do Jeep Leaderboard, que estava com Adriano de Souza na Gold Coast. Na 11.a bateria, outro paulista, Wiggolly Dantas, também enfrenta dois australianos, Josh Kerr e Matt Banting. E na última, o potiguar Jadson André terá uma parada dura contra dois fortes concorrentes, o havaiano John John Florence e o sul-africano Jordy Smith.

O Rip Curl Pro Bells Beach será realizado junto com a igualmente segunda etapa feminina do Samsung Galaxy WSL Championship Tour com transmissão ao vivo da Austrália pelo www.worldsurfleague.com a partir do dia 24 de março.

PRIMEIRA FASE DO RIP CURL PRO BELLS BEACH:
1ª) Jeremy Flores (FRA), Caio Ibelli (BRA), Alex Ribeiro (BRA)
2ª) Julian Wilson (AUS), Stu Kennedy (AUS), Davey Cathels (AUS)
3ª) Italo Ferreira (BRA), Kanoa Igarashi (EUA), Adam Melling (AUS)
4ª) Gabriel Medina (BRA), Conner Coffin (EUA),
5ª) Mick Fanning (AUS), Keanu Asing (HAV),
6ª) Adriano de Souza (BRA), Michel Bourez (TAH),
7ª) Kelly Slater (EUA), Kai Otton (AUS), Sebastian Zietz (HAV)
8ª) Joel Parkinson (AUS), Taj Burrow (AUS), Miguel Pupo (BRA)
9ª) Matt Wilkinson (AUS), Kolohe Andino (EUA), Jack Freestone (AUS)
10) Nat Young (EUA), Adrian Buchan (AUS), Ryan Callinan (AUS)
11) Josh Kerr (AUS), Wiggolly Dantas (BRA), Matt Banting (AUS)
12) John John Florence (HAV), Jordy Smith (AFR), Jadson André (BRA)

PRIMEIRA FASE DO RIP CURL WOMEN´S PRO BELLS BEACH:
1ª) Stephanie Gilmore (AUS), Bianca Buitendag (AFR), Chelsea Tuach (BRB)
2ª) Sally Fitzgibbons (AUS), Malia Manuel (HAV), Alessa Quizon (HAV)
3ª) Carissa Moore (HAV), Keely Andrew (AUS), wildcard
4ª) Courtney Conlogue (EUA), Nikki Van Dijk (AUS), Laura Enever (AUS)
5ª) Tyler Wright (AUS), Sage Erickson (EUA), Coco Ho (HAV)
6ª) Johanne Defay (FRA), Tatiana Weston-Webb (HAV), Bronte Macaulay (AUS)

TOP-22 DO JEEP LEADERBOARD DA WORLD SURF LEAGUE - 1ª etapa:
1º) Matt Wilkinson (AUS) - 10.000 pontos
2º) Kolohe Andino (EUA) - 8.000
3º) Filipe Toledo (BRA) - 6.500
3º) Stu Kennedy (AUS) - 6.500
5º) Adriano de Souza (BRA) - 5.200
5º) Joel Parkinson (AUS) - 5.200
5º) John John Florence (HAV) - 5.200
5º) Adrian Buchan (AUS) - 5.200
9º) Sebastian Zietz (HAV) - 4.000
9º) Caio Ibelli (BRA) - 4.000
9º) Kanoa Igarashi (EUA) - 4.000
9º) Conner Coffin (EUA) - 4.000
13) Mick Fanning (AUS) - 1.750
13) Gabriel Medina (BRA) - 1.750
13) Italo Ferreira (BRA) - 1.750
13) Jeremy Flores (FRA) - 1.750
13) Nat Young (EUA) - 1.750
13) Josh Kerr (AUS) - 1.750
13) Wiggolly Dantas (BRA) - 1.750
13) Taj Burrow (AUS) - 1.750
13) Jadson André (BRA) - 1.750
13) Michel Bourez (TAH) - 1.750
--------outros brasileiros:
25) Miguel Pupo (BRA) - 500 pontos
25) Alejo Muniz (BRA) - 500
25) Alex Ribeiro (BRA) - 500

TOP-10 DO JEEP LEADERBOARD FEMININO - 1ª etapa:
1ª) Tyler Wright (AUS) - 10.000 pontos
2ª) Courtney Conlogue (EUA) - 8.000
3ª) Carissa Moore (HAV) - 6.500
3ª) Johanne Defay (FRA) - 6.500
5ª) Stephanie Gilmore (AUS) - 5.200
5ª) Tatiana Weston-Webb (HAV) - 5.200
5ª) Malia Manuel (HAV) - 5.200
5ª) Sage Erickson (EUA) - 5.200
9ª) Bianca Buitendag (AFR) - 3.300
9ª) Nikki Van Dijk (AUS) - 3.300
9ª) Keely Andrew (AUS) - 3.300
9ª) Bronte Macaulay (AUS) - 3.300


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad