Brasil sofre mais uma baixa no Mundial Pro Junior da WSL - EsporteNaRede

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Brasil sofre mais uma baixa no Mundial Pro Junior da WSL

O catarinense Luan Wood foi barrado pelo japonês Reo Inaba na repescagem, mas quatro brasileiros seguem na disputa do título do Ericeira World Junior Championships em Portugal.

Colaboração de texto: João Carvalho/WSL
Colaboração de foto: Poullenot/Masurel/ WSL

O domingo amanheceu com ondas muito pequenas e a continuação da terceira fase do Ericeira World Junior Championships foi adiada em Portugal. Mas, no sábado rolou competição em séries de 2-3 pés na Praia dos Pescadores e o Brasil sofreu mais uma baixa, com o catarinense Luan Wood sendo barrado pelo japonês Reo Inaba na repescagem. Mas, quatro brasileiros ainda podem aumentar para sete o recorde de títulos mundiais verde-amarelos na categoria para surfistas com até 20 anos de idade da World Surf League, o paulista Deivid Silva, o carioca Lucas Silveira e os catarinenses Yago Dora e Alcides Lopes.

Hiroto Ohhara.
O primeiro a disputar classificação para as oitavas de final é Alcides Lopes, na sexta bateria da terceira fase contra o surfista de Guadalupe, Timothee Bisso. Na oitava, está o atual bicampeão sul-americano Pro Junior da WSL South America, Deivid Silva. Ele foi até as semifinais em Portugal no ano passado e é o cabeça de chave número 1 do Ericeira World Junior Championships. Seu adversário é o sul-africano Shane Sykes, que já eliminou um paulista na repescagem, Victor Bernardo.

Noah Schweizer.
Já os outros dois brasileiros estão nas baterias que vão fechar a terceira rodada do Mundial Pro Junior da World Surf League em Portugal. O catarinense Yago Dora enfrenta o costa-ricense Noe Mar McGonagle na penúltima e o carioca Lucas Silveira disputa a última vaga para as oitavas de final com o outro representante de Guadalupe, Gatien Delahaye. As três primeiras vagas já foram definidas no sábado e vencidas pelos japoneses Hiroto Ohhara e Hiroto Arai e pelo norte-americano Noah Schweizer.

Hiroto Ohhara.
Depois de surpreender o mundo no ano passado, ao se tornar o primeiro surfista do Japão a ganhar uma etapa do primeiro escalão do WSL Qualifying Series, o prestigiado e tradicional US Open of Surfing com status QS 10000 na Califórnia, Estados Unidos, Hiroto Ohhara registrou novos recordes para o Ericeira World Junior Championships. Ele achou duas boas ondas nas esquerdas da Praia dos Pescadores para aplicar uma série de três manobras explosivas e receber notas 9,93 e 9,33, totalizando incríveis 19,26 pontos de 20 possíveis. Na melhor delas, arrancou nota 10 de três dos cinco juízes.

Hiroto Arai.
"Estou muito feliz, mas fiquei um pouco frustrado no início da bateria porque eu não estava conseguindo pegar as ondas como as que o Matthew (McGillivray) surfou", disse Hiroto Ohhara, sobre o confronto com o sul-africano que abriu a terceira fase no sábado. "Eu não estava ouvindo as notas e não sabia que tinha dois noves. Pensei que ainda tinha que surfar duas ondas boas pra vencer, então fiquei perto dele para tentar pegar mais ondas".

Luan Wood.
A bateria seguinte foi 100% japonesa e Hiroto Arai derrotou por 14,57 a 12,10 pontos o algoz de Luan Wood, Reo Inaba, para enfrentar o novo recordista absoluto do Ericeira World Junior Championships na abertura das oitavas de final. Já no último confronto do sábado, o norte-americano Noah Schweizer despachou o francês Nelson Cloarec por 16,10 a 11,00 e vai enfrentar na segunda oitava de final o vencedor do duelo australiano entre Soli Bailey e Jacob Willcox, que ficou para abrir o próximo dia de boas ondas em Ericeira.

No domingo, a continuação da terceira fase foi adiada e a próxima chamada marcada para as 7h45 da segunda-feira em Portugal, 5h45 pelo fuso horário de Brasília, ao vivo pelo www.worldsurfleague.com. O prazo para definir os últimos campeões mundiais de 2015 da World Surf League termina na quarta-feira e quatro brasileiros vão tentar repetir o feito de Pedro Henrique em 2000, Adriano de Souza em 2003, Pablo Paulino em 2004 e 2007, Caio Ibelli em 2011 e Gabriel Medina em 2013. Estes cinco surfistas garantiram maioria de títulos do Brasil nas dezesseis edições do Mundial Pro Junior.

O catarinense Luan Wood chegou perto de ser o quinto concorrente e até surfou a melhor onda da sua bateria no sábado. No entanto, faltou outra nota boa para somar com o 8,33 recebido nessa e o japonês Reo Inaba acabou vencendo por 14,66 a 14,00 pontos com as notas 7,93 e 6,73 das duas últimas ondas que pegou. Luan Wood terminou em 33.o lugar no Ericeira World Junior Championships, empatado com o paulista Victor Bernardo e os peruanos Juninho Urcia e Alonso Correa, que também perderam na repescagem na sexta-feira.


SEGUNDA FASE MASCULINA - Vitória=Terceira Fase e Derrota=33º lugar:
---------resultados da sexta-feira:
1ª) Deivid Silva (BRA) 13.17 x 9.23 Yuji Mori (JPN)
2ª) Noe Mar McGonagle (CRI) 14.03 x 13.83 Juninho Urcia (PER)
3.a Nomme Mignot (FRA) 12.47 x 6.77 Bevan Willis (AFR)
4ª) Lucas Silveira (BRA) 15.53 x 10.00 Adin Masencamp (AFR)
5ª) Shane Sykes (AFR) 16.60 x 11.50 Victor Bernardo (BRA)
6.a Noah Schweizer (EUA) 16.33 x 12.83 Jordy Maree (AFR)
7ª) Kalani David (HAV) 14.07 x 11.80 Momoto Tsuzuki (JPN)
8ª) Harry Bryant (AUS) 14.53 x 13.00 Seth Moniz (HAV)
9ª) Takumi Yasui (JPN) 15.73 x 11.43 Charly Quivront (FRA)
10) Mihiana Braye (TAH) 17.93 x 14.76 Alonso Correa (PER)
---------resultados do sábado:
11) Daniel Glenn (EUA) 12.67 x 11.30 Griffin Colapinto (EUA)
12) Kai Hing (AUS) 12.70 x 11.60 Parker Coffin (EUA)
13) Benji Brand (HAV) 14.37 x 12.60 Elijah Gates (HAV)
14) Nelson Cloarec (FRA) 12.17 x 9.67 Imaikalani Devault (HAV)
15) Reo Inaba (JPN) 14.66 x 14.00 Luan Wood (BRA)
16) Gatien Delahaye (GLP) 12.33 x 11.70 Kan Watanabe (JPN)

TERCEIRA FASE - Vitória=Quarta Fase e Derrota=17º lugar:
1ª) Hiroto Ohhara (JPN) 19.26 x 13.16 Matthew McGillivray (AFR)
2ª) Hiroto Arai (JPN) 14.57 x 12.10 Reo Inaba (JPN)
3ª) Noah Schweizer (EUA) 16.10 x 11.00 Nelson Cloarec (FRA)
---------ficaram para abrir o próximo dia:
4ª) Soli Bailey (AUS) x Jacob Willcox (AUS)
5ª) Nomme Mignot (FRA) x Daniel Glenn (EUA)
6ª) Timothee Bisso (GLP) x Alcides Lopes (BRA)
7ª) Takumi Yasui (JPN) x Mihimana Braye (TAH)
8ª) Deivid Silva (BRA) x Shane Sykes (AFR)
9ª) Tomas Fernandes (PRT) x Natxo Gonzalez (ESP)
10) Leonardo Fioravanti (ITA) x Dylan Lightfoot (AFR)
11) Mateia Hiquily (TAH) x O´Neill Massin (TAH)
12) Joshua Moniz (HAV) x Kai Hing (AUS)
13) Kanoa Igarashi (EUA) x Harry Bryant (AUS)
14) Kalani David (HAV) x Benji Brand (HAV)
15) Noe Mar McGonagle (CRI) x Yago Dora (BRA)
16) Lucas Silveira (BRA) x Gatien Delahaye (GLP)

SEMIFINAIS FEMININAS DO ERICEIRA WORLD JUNIOR CHAMPIONSHIPS:
1ª) Mahina Maeda (HAV) x Teresa Bonvalot (PRT)
2ª) Holly Wawn (AUS) x Isabella Nichols (AUS)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad