Campeões do Bahia Juniors Cup dão salto no ranking - EsporteNaRede

Últimas

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Campeões do Bahia Juniors Cup dão salto no ranking

Gabriel Decamps alcança melhor colocação no ranking e mira Grand Slams. Thaísa Pedretti se aproxima do top 70 após conquistas no Clube Bahiano de Tênis.

Colaboração de texto: Fabrizio Gallas/Gallas Press
Colaboração de foto: Bruno Rocha

Os campeões da 31ª edição do Bahia Juniors Cup, no último sábado nas quadras do Clube Bahiano de Tênis no bairro da Graça, em Salvador (BA), colheram frutos com o crescimento da competição e deram ótimos saltos em novo ranking mundial divulgado pela Federação Internacional de Tênis, a ITF, nesta segunda-feira.

No masculino, Gabriel Decamps, de apenas 16 anos, ganhou 45 colocações e apareceu em sua melhor posição no ranking no 146º lugar, pela primeira vez no top 150. Ele passa a ser agora o quinto melhor do país ultrapassando Lucas Koelle que fez semifinal na competição e também subiu onze degraus ao 159º, também seu melhor desempenho na carreira: "Meu objetivo é fechar o ano no top 50 e esse título me dá um empurrão importante no ranking, mas antes dessa meta quero entrar entre os 100 melhores, é um passo de cada vez. Estando ali pelo 50 jogaria os Grand Slams. Meu sonho é ser campeão de Roland Garros", destacou Decamps que conquistou, em Salvador, seu maior título na carreira juvenil que já soma uma participação em Roland Garros após vencer dois pré-qualies no começo do ano.

Thaísa Pedretti.
Na final do 31º Bahia Juniors Cup ele bateu o argentino Juan Jalif port 7/5 6/4 na noite de sábado. O argentino ganhou 119 posições e apareceu no top 300 pela primeira vez com o 297º posto.

No feminino, a paulista Thaísa Pedretti ganhou onze colocações com o troféu e pulou para o 72º lugar se consolidando como a segunda maior do Brasil: "Quero jogar o Australian Open e os Grand Slams em 2016. Em 2015 a lista fechou em torno das 70 melhores, então o Bahia Juniors foi importante nesta busca", apontou a quarta melhor da América do Sul que na final derrotou a carioca Maria Silva por 6/3 6/4.

Saldo positivo e grandioso evento - A 31ª edição do Bahia Juniors Cup contou com mais de cinco mil pessoas durante os nove dias de evento e com um staff numeroso com mais de 100 pessoas entre staff, boleiros, encordoador, árbitros, a parceria com a equipe de fisioterapeutas da Faculdade IBES/FACSAL. Foram 209 atletas de 12 países de quase todos os continentes (Brasil, Rússia, Estados Unidos, Bolívia, Suíça, Grã-Bretanha, Egito, Colômbia, Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile) jogando e treinando nas oito quadras do Clube Bahiano de Tênis que comemora 100 anos em 2016. O torneio se consolidou como o maior do Nordeste no juvenil e só perdeu em importância para o Banana Bowl e o Campeonato Internacional Juvenil, a Copa Gerdau, em Porto Alegre. O evento contou com pontos pro ranking mundial Grau 3 na Federação Internacional de Tênis, pro ranking Sul-Americano do Cosat nos 14 e 16 anos, e da Confederação Brasileira de Tênis, nos 12 anos.

Gian Biglia, presidente do Clube Bahiano de Tênis e diretor do torneio fez avaliação positiva da competição: "O evento foi um sucesso, ouvi só elogios tanto de jogadores, como técnicos, pai dos atletas e só me dá satisfação após todo o trabalho duro que tivemos diário para colocar o projeto eladorado pelo arquiteto André Sá das quadras e da revitalização do clube em parceria com a construtora Moure Dubeux. Estamos ainda no processo de revitalização da parte social do clube e no ano que vem os atletas terão ainda mais facilidades. Estou muito satisfeito e o torneio vai crescer ainda mais", disse Biglia.

A competição resgatou o tradicional torneio que era chamado de Copa Econômico na década de 80 e 90 e seleiro de grandes craques. Gustavo Kuerten foi campeão dos 16 anos derrotando o baiano Duda Catharino Gordilho na final. Passaram pelo evento Teliana Pereira, Andreia Vieira, Fernando Meligeni, Marcelo Saliola, entre outros fortes nomes do tênis nacional.

A competição abrigou atletas do Brasil, Rússia, Estados Unidos, Bolívia, Suíça, Grã-Bretanha, Egito, Colômbia, Argentina, Paraguai, Uruguai e Chile. O Bahia Juniors Cup contou com o patrocínio do Governo do estado da Bahia pela Sudesb, da Construtora Moura Dubeux, dos Correios eda Federação Bahiana de Tênis. O evento tem o apoio da Gatorade, AMBEV e Faculdade IBES/FACSAL e é realizado pela Confederação Brasileira de Tênis, ITF e Cosat.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad