Três surfistas festejam conquistas no Maui and Sons Pro Junior - EsporteNaRede

domingo, 19 de julho de 2015

Três surfistas festejam conquistas no Maui and Sons Pro Junior

Miluska Tello comemorou o bicampeonato sul-americano e a também peruana Melanie Giunta e o brasileiro Alcides Lopes conseguiram vagas para o Mundial Pro Junior da World Surf League com vitórias no Peru.

Colaboração de texto: João Carvalho/ASP South America
Colaboração de foto: Gonzalo Noriega/ASPSouth America

O Maui and Sons Pro Junior definiu neste fim de semana os títulos sul-americanos da categoria para surfistas profissionais com até 20 anos de idade e os classificados para disputar o Mundial Pro Junior da World Surf League esse ano. A peruana Miluska Tello já entrou na final com o bicampeonato garantido, assim como o brasileiro Deivid Silva, que também ganhou seu segundo título consecutivo com os resultados do sábado em San Bartolo. Já o catarinense Alcides Lopes e a peruana Melanie Giunta precisavam das vitórias em San Bartolo para entrar no time sul-americano e conseguiram ganhar as finais com o peruano Alonso Correa e Miluska Tello que fecharam o domingo no Peru.

Miluska Tello. 
"Este é o meu último ano de junior e será uma honra para mim representar o Peru no Mundial Pro Junior mais uma vez", disse a bicampeã sul-americana, Miluska Tello. "É o terceiro ano que eu me classifico e ser campeã sul-americana pelo segundo ano seguido me enche de felicidade. Dedico tudo isso a minha família e também para todas as pessoas do Peru".

Os primeiros dos rankings da WSL South America que vão representar o continente na decisão dos títulos mundiais da World Surf League esse ano são os brasileiros Deivid Silva, Luan Wood e Alcides Lopes e os peruanos Alonso Correa, Miluska Tello e Melanie Giunta. Cada escritório regional indica seis vagas para a categoria masculina e a WSL South America reserva duas para os surfistas do continente, com até 20 anos de idade, mais bem colocados entre os 100 primeiros no ranking do WSL Qualifying Series. Caso não aceitem o convite por não poderem participar, os próximos do Sul-americano ficam com as vagas e Juninho Urcia entraria no time por ter terminado em quinto no ranking, com os brasileiros Renan Peres e Lucas Silveira dividindo a sexta posição.

Miluska Tello.
"Eu treinei muito todo esse tempo para conquistar o título aqui e estou muito feliz por vencer o campeonato aqui em San Bartolo", disse o campeão Alcides Lopes. "Eu precisava deste resultado para me classificar para o Mundial Pro Junior e felizmente eu consegui minha vaga. Agora vou continuar treinando e concentrado para representar bem o meu país neste evento".

Alcides Lopes.
O vice-campeão Alonso Correa também estava feliz por ter atingido seu objetivo no Maui and Sons Pro Junior. "A final foi muito difícil, mas dei o meu melhor nas ondas que eu peguei. Eu queria vencer, mas já estava feliz por ter cumprido minha meta que era me qualificar para o Mundial Pro Junior. Eu fui crescendo no circuito e espero representar bem o Peru lá na Austrália em janeiro".

Melanie Giunta.
A vaga de Melanie Giunta, campeã sul-americana Pro Junior de 2013, para o Mundial Pro Junior da World Surf League, só foi confirmada no desempate com Lucia Indurain. As duas se enfrentaram nas semifinais e a peruana confirmou o bicampeonato de Miluska Tello quando derrotou a argentina, mas ainda precisava vencer o Maui and Sons Pro Junior para igualar os seus 1.560 pontos no ranking das duas etapas computadas. O desempate foi, então, para a terceira pontuação e Melanie Giunta ficou à frente com os 280 pontos do seu terceiro resultado, contra zero de Lucia Indurain, que não participou da etapa que abriu o WSL South America Pro Junior Series 2015 nas mesmas ondas de San Bartolo, no Peru.

Melanie Giunta.
"Estou muito feliz pela vitória, pois com este resultado subi para o segundo lugar no ranking e duas peruanas se classificaram para o Mundial Pro Junior da WSL em janeiro", disse Melanie Giunta. "A semifinal foi uma das baterias mais difíceis que eu tive nesse torneio e a final com a Miluska (Tello) foi muito engraçada porque somos grandes amigas. As condições do mar mudaram muito, ficou difícil achar ondas boas, mas consegui vencer e nós duas vamos treinar bastante para representar bem o Peru lá na Austrália".

A categoria masculina.
Na categoria masculina, o título sul-americano já estava definido para o brasileiro Deivid Silva com as derrotas do catarinense Luan Wood e do peruano Juninho Urcia no sábado. Juninho ainda perdeu a vaga no G-4 do ranking sul-americano para o Mundial Pro Junior com a vitória do catarinense Alcides Lopes no domingo. A bateria final foi bem disputada e o brasileiro superou o peruano Alonso Correa por uma pequena vantagem no placar encerrado em 12,50 a 11,65 pontos. Com o título, Alcides Lopes tirou a terceira posição no ranking de Juninho Urcia, que caiu para o quinto lugar e apenas os quatro primeiros se classificam para o mundial.

RESULTADOS DO DOMINGO DECISIVO DO MAUI AND SONS PRO JUNIOR:
FINAL MASCULINA DO MAUI AND SONS PRO JUNIOR:
Campeão: Alcides Lopes (BRA) por 12,50 pontos (notas 6,50+6,00) - US$ 2.500 e 1.000 pontos
Vice-campeão: Alonso Correa (PER) por 11,65 pontos (6,25+5,40) - US$ 1.500 e 750 pontos

SEMIFINAIS MASCULINAS - 3º lugar com 560 pontos e US$ 1.000 de prêmio:
1ª) Alcides Lopes (BRA) 15.50 x 10.85 Facundo Arreyes (ARG)
2ª) Alonso Correa (PER) 14.25 x 10.15 Renan Peres (BRA)

FINAL FEMININA DO MAUI AND SONS PRO JUNIOR:
Campeã: Melanie Giunta (PER) por 7,30 pontos (notas 3,80+3,50) - US$ 1.000 e 1.000 pontos
Vice-campeão: Miluska Tello (PER) com 6,70 pontos (4,25+2,45) - US$ 400 e 750 pontos

SEMIFINAIS FEMININAS - 3.o lugar com 560 pontos e US$ 250 de prêmio:
1ª) Miluska Tello (PER) 11.95 x 10.25 Josefina Ane (ARG)
2ª) Melanie Giunta (PER) 13.75 x 12.50 Lucia Indurain (ARG)

TOP-10 DO RANKING FINAL DE 2015 DO SUL-AMERICANO PRO JUNIOR DA WSL SOUTH AMERICA - 3 etapas:
1º) Deivid Silva (BRA) - 1.750 pontos
2º) Luan Wood (BRA) - 1.560
3º) Alcides Lopes (BRA) - 1.420
4º) Alonso Correa (PER) - 1.310
5º) Juninho Urcia (PER) - 1.170
6º) Renan Peres (BRA) - 840
6º) Lucas Silveira (BRA) - 840
8º) Facundo Arreyes (ARG) - 760
9º) Sebastian Correa (PER) - 720
9º) Joaquin Del Castillo (PER) - 720
9º) Marcos Correa (BRA) - 720

TOP-10 DO SUL-AMERICANO PRO JUNIOR FEMININO DA WSL SOUTH AMERICA - 3 etapas:
1ª) Miluska Tello (PER) - 1.750 pontos
2ª) Melanie Giunta (PER) - 1.560
3ª) Lucia Indurain (ARG) - 1.560
4ª) Lorena Fica (CHL) - 1.170
5ª) Josefina Ane (ARG) - 1.120
6ª) Lucia Cosoleto (ARG) - 980
7ª) Vania Torres (PER) - 840
7ª) Luara Thompson (BRA) - 840
9ª) Catalina Mercere (ARG) - 750
10) Marina Rezende (BRA) - 700


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad