Raí chama Bolsonaro de 'Irresponsável' e sugere renúncia - EsporteNaRede

Últimas

quinta-feira, 30 de abril de 2020

Raí chama Bolsonaro de 'Irresponsável' e sugere renúncia

Falando em nome do São Paulo, o diretor executivo de futebol do clube, Raí, expressou um posicionamento contra o retorno do futebol em meio a pandemia do coronavírus após pressão do governo federal em ver a bola rolando.

Raí se posicionou contra o retorno do futebol.
Colaboração de foto: Rubens Chiri/São PauloFC

Mas o ex-jogador não parou por aí e deu sua opinião pessoal sobre Jair Bolsonaro (sem partido). Ele fez duras críticas ao presidente em relação à condução do Brasil na crise e sugeriu até a renúncia do cargo. "Um posicionamento atabalhoado, é o mínimo que se pode dizer. Naquele momento, por exemplo, que ele deu aquele depoimento em rede nacional...

Ele está no limite, muitas vezes, da irresponsabilidade, quando ele vai contra todas as recomendações da Organização Mundial da Saúde", disparou em entrevista ao GloboEsporte.com. "Se perder a governabilidade, eu torço e espero uma renúncia para evitar o processo de impeachment, que sempre é traumático. Porque o foco tem que ser a pandemia. (O impeachment) não é uma coisa que tem de se pensar agora, energia nenhuma pode ser gasta nisso, mas se estiver prejudicando ainda mais essa crise gigantesca de saúde, sanitária, tem que ser considerado", continuou.

Para Raí, Bolsonaro tem desviado o foco para outras questões ao invés de se concentrar no combate ao coronavírus. Brasil registra 78.162 casos confirmados de pessoas com a Covid-19 e 5.466 mortes. "Outro absurdo do Bolsonaro é inventar crises políticas ou de interesses próprios, familiares, no meio de uma pandemia. É inaceitável. Tenho certeza que muita gente concorda, inclusive alguns apoiadores do Bolsonaro. Ele foi eleito democraticamente, mas a própria democracia está conseguindo frear", afirmou. "Eu acho que isso me fez até questionar o presidencialismo. Estar sujeito a uma pessoa como essa, a um presidente como esse, que foi eleito democraticamente, mas que toma decisões que confundem completamente a população. Por causa dele, e aí o cálculo pode até ser feito, milhares de mortes a mais vão acontecer", completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad