» » Bino fica em segundo do QS 3000 da Martinica | Com vídeos

O baiano perder por pouco para o neozelandês Ricardo Christie a decisão da etapa do Caribe e na Semana Santa o Rip Curl Pro Argentina abre o calendário da WSL South America em Mar del Plata.

O baiano  Bino Lopes perdeu, na final, para o neozelandês Ricardo Christie.
O baiano Bino Lopes ficou perto da segunda vitória brasileira seguida no WSL Qualifying Series, perdendo por pouco a decisão do título do QS 3000 Martinique Surf Pro, encerrado sexta-feira no Caribe nas direitas de Basse-Pointe. O neozelandês Ricardo Christie venceu por 16,66 a 15,57 pontos e entrou na lista dos dez que se classificam para o CT. Bino Lopes subiu para o 12ª lugar no ranking que no momento está indicando até o 11º colocado, mesma posição que terminou no ano passado, na porta de entrada da elite dos top-34 da World Surf League. Confira a matéria completa:




Sobre os autores:

Gabriella Simões fez Fotografia Digital no Sesc e é associada a Arfoc/Brasil através da Arfoc/BA. Miguel Brusell é formado em Comunicação Social na UFBA, tem pós em Gestão de Informações para Multimeios na FTC e bloga desde 2003.
«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Comentar