» » » Só o Bahia joga no "pasto" de Riachão do Jacuípe

Depois do Bahia perder dois importantes pontos e a liderança do Campeonato Baiano contra a Jacuipense, a Federação Bahiana de Futebol (FBF) alterou, nesta quinta (2), o mando de campo do Esporte Clube Jacuipense no Baianão 2017.

Até o final do campeonato, o Bahia será o único a jogar no Eliel Martins.
Da redação com informações do FBF
Colaboração de foto: Felipe Oliveira/ECB

Até o final do estadual, A Jacuipense mandará seus jogos no Estádio de Pituaçu, em Salvador. Com a mudança, a entidade visa evitar incidentes como os da noite e quarta (1º), no confronto entre o time de Riachão do Jacuípe e o Bahia, pela 2ª rodada da competição, no Estádio Eliel Martins.

Segundo a FBF, o campo de Riachão não
tem condições de abrigar partidas oficiais.
O Coronel José Inácio Diniz, assessor da entidade para vistorias e segurança em estádios, durante a última visita ao local, havia solicitado ao secretário de Esportes de Riachão do Jacuípe que o estádio fosse preservado e só utilizado para os jogos oficiais. Porém, os responsáveis não seguiram a recomendação de conservação e utilizaram o local para treinamentos, o que prejudicou e castigou o gramado.

A FBF lembra, também, que não tem como estar diariamente nos municípios do interior fiscalizando a utilização dos campos de jogos dos estádios e confia nas informações dos seus filiados. Sem nenhuma condição de abrigar partidas oficiais de futebol, o Estádio Eliel Martins teve determinada sua retirada da competição, através da RDI-02/17.

O Baianão 2017 ainda está na sua primeira fase e a adequação dos gramados visa, sobretudo, preservar o bem público e em especial a integridade física dos atletas e árbitros, além da qualidade técnica das partidas.


Sobre os autores:

Gabriella Simões fez Fotografia Digital no Sesc e é associada a Arfoc/Brasil através da Arfoc/BA. Miguel Brusell é formado em Comunicação Social na UFBA, tem pós em Gestão de Informações para Multimeios na FTC e bloga desde 2003.
«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Comentar