» » Thaísa Pedretti defende título no 32º Bahia Juniors Cup

De olho nos Grand Slams, brasileira, a atual campeã em Salvador vem de conquista no Uruguay Bowl, em Montevidéu, e está perto do top 50.

Colaboração de texto: Fabrizio Gallas/GallasPress
Colaboração de foto: Bruno Rocha

A paulista Thaísa Pedretti se consagrou, na última temporada, nas quadras do Clube Bahiano de Tênis conquistando o título e estará de volta defendendo a conquista na 32ª edição do Bahia Juniors Cup, maior torneio de tênis Infanto-juvenil do Nordeste e maior do país no segundo semestre, terceiro maior do Brasil na temporada, com pontuação Grau 3 para o ranking mundial da Federação Internacional de Tênis. A competição será disputada entre os dias 15 e 22 de outubro no Clube Bahiano de Tênis.

A brasileira é mais um exemplo dos tenistas que retornam ao torneio após o sucesso da edição anterior. Além dela estarão também a egípcia Yusra Hegy, a suíça Aleksandra Baldakina e a britânica de origem brasileira Kelly Araújo. "Adoro esse torneio, a organização é excelente, as pessoas me tratam super bem e me senti bem jogando", afirmou Pedretti que bateu a carioca Maria Silva na final de 2015.

Outro motivo para a tenista de 17 anos voltar à Salvador é a busca para disputar os Grand Slams, os quatro principais torneios do ano, o Australian Open, em Melbourne, Roland Garros, em Paris, Wimbledon, em Londres, e o US Open, em Nova York, eventos que não conseguiu jogar em 2016 por conta de uma lesão no abdômen.

"Venho defender meus pontos do ano passado. Meu objetivo, até o final do ano, é conseguir um bom ranking pra entrar nas chaves de Grand Slam o ano que vem. Também quero terminar o ano com um bom ranking profissional. Tem sido um ano de superação.Depois de uma lesão no abdômen, que me deixou um bom tempo longe das quadras, consegui me recuperar. Também consegui pontuar no ranking da WTA e entrar no ranking", afirmou a jogadora que conquistou o título do Uruguay Bowl, em Montevidéu, no último final de semana e saltou do 123º para o 65º lugar do ranking, se estabilizando como a melhor do Brasil. Como profissional ela ocupa o 1038º posto.

A edição deste ano é comemorativa do centenário do Clube Bahiano de Tênis, berço do tênis baiano, localizado no bairro da Barra, em Salvador e terá o recorde de 20 países diferentes na disputa. São jogadores de Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, França, Canadá, Rep. Tcheca, Bolívia, Holanda, Guatemala, Grécia, Peru, Portugal, Grã-Bretanha, Egito, Suíça, Equador, Croácia, Rússia e Estados Unidos.

O Bahia Juniors Cup é um revelador de talentos. Disputado desde a década de 80, o evento trouxe ano passado o sobrinho de Fernando Meligeni, Felipe Alves Meligeni, que recentemente encerrou sua carreira juvenil conquistando o US Open nas duplas, se tornando o quinto brasileiro na história a ganhar um Major como júnior, feito alcançado por exemplo por Gustavo Kuerten, nas duplas de Roland Garros em 1994. Kuerten que esteve no Bahia Juniors Cup, anos antes, conquistando a categoria 16 anos, em final apertada diante do baiano Duda Catharino, hoje diretor do evento e que coordena a equipe de competição do Clube Bahiano, com um dos grandes talentos do tênis local e melhor do país nos 14 anos, Maria Menezes.

Além de Guga, o torneio teve a presença de Fernando Meligeni, semifinalista de Roland Garros em 1999, quarto lugar na Olimpíada de Atlanta de 1996 e ex-top 25 profissional, Marcelo Saliola, Marcio Carlsson, Marcos Daniel, Jaime Oncins, Flavio Saretta, André Sá, Daniel e Marcelo Melo dentre muitos outros nomes expoentes do tênis brasileiro.

Inscrições para a categoria 12 anos se encerram na próxima segunda (3). Ainda estão abertas as inscrições das categorias 12 anos e Tennis Kid´s, contando pontos para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis. O prazo final é a próxima segunda-feira, dia 3 de outubro. As inscrições podem ser feitas diretamente no site da Confederação Brasileira de Tênis.
O Bahia Juniors Cup conta com o patrocínio do Governo do estado da Bahia pela Sudesb- Superintensd e da Construtora Moura Dubeux.. O evento tem o apoio da Gatorade e é chancelado pela Federação Bahiana de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis, Federação Internacional de Tênis e Cosat.

Lista dos tenistas: *
Masculino
1 - Sebastian Baez (ARG) 123
2 - Thiago Wild (BRA) 149
3 - João Lucas Reis (BRA) 169
4 - Franco Aubone (ARG) 303
5 - Lucca Takeda (BRA) 351
6 - Javier Gonzalez (CHI) 363
7 - Mateus Alves (BRA) 370
8 - Tomas Kopczynsky (EUA) 388
9 - Matheus Pucinelli (BRA) 389
10 - Tomas Descarrega (ARG) 391
11 - Tristan Boyer (EUA) 435
12 - Arthur Bernabe (FRA) 459
13 - Tyler Zink (EUA) 470
14 - Juan Grassi (ARG) 475
15 - Gilbert Klier (BRA) 496
16 - Ezequiel Santalla (ARG) 518
17 - Felipe Acosta (ARG) 530
18 - Gabriel Bugiga (BRA) 534
19 - Vinicius Feijão (BRA) 547
20 - Igor Gimenez (BRA) 561
21 - Daniil Savelev (RUS) 592
22 - João Ceolin (BRA) 689

No quali:
1 - Dimitri Bird (EUA)
2 - Vicente Andrades (CHI)
3 - Daniel Ortiz (CHI)
4 - João Ferreira (BRA)
5 - Preston Brown (EUA)
6 - Christian Oliveira (BRA)
7 - Agustin Coppari (ARG)
8 - Bruno Pessoa (BRA)
9 - Juan Paredes (COL)
10 - Santiago Galan (COL)
11 - Diego Padilha (BRA)
12 - Enzo Kohn (BRA)
13 - Boruch Skierkier (ARG)
14 - Luiz Santos (BRA)
15 - Facundo Acosta (ARG)
16 - Mathias Adrian (ARG)
17 - Andy Sun (CAN)
18 - Lucas Cruz (BRA)
19 - Karl Heinrichs (BRA)
20 - Federico Kuiper (ARG)
21 - Stepan Pecak (CZE)
22 - Nicolas Aguer (ARG)
23 - Bruno Caula (ARG)
24 - Armando Ferreira (BRA)
25 - Matheus Leite (BRA)
26 - Antonio Neto (BRA)

Feminino:
1 - Thaísa Pedretti (BRA) 125
2 - Fernanda Labrana (CHI) 146
3 - Daniela la Fuente (BOL) 155
4 - Marel Hoedt (HOL) 191
5 - Ruth Galindo (GUA) 235
6 - Vasiliki Karvouni (GRE) 250
7 - Maria Corado (GUA) 263
8 - Paula Baranano (ARG) 278
9 - Vitoria Okuyama (BRA) 300
10 - Nathalia Gasparin (BRA) 349
11 - Georgia Gulin (BRA) 389
12 - Jimar Gerald (CHI) 412
13 - Maia Guilhermina (ARG) 458
14 - Dakota Fordham (EUA) 472
15 - Ana Cruz (BRA) 639
16 - Kiana Motosono (PER) 691
17 - Flavia Gutierrez (BOL) 794
18 - Rebeca Silva (POR) 907
19 - Erica Drodrige (GBR) 944
20 - Anca Craciun (CAN) 1011
21 - Alexia Romero (ARG) 1033
22 - Mariana Correa (BRA) 1112

No Quali:
1 - Yusra Hegy (EGI)
2 - Thassane Abrahim (BRA)
3 - Alexandra Baldakina (SUI)
4 - Thais Andreotti (BRA)
5 - Kathleen Percegona (BRA)
6 - Tiegan Aitken (GBR)
7 - Mariana Borges (BRA)
8 - Julia Iglesias (BRA)
9 - Fiorella Medina (EQU)
10 - Nicole Beidacki (BRA)
11 - Luiza Fullana (BRA)
12 - Nalanda Teixeira (BRA)
13 - Kelly Araujo (GBR)
14 - Raissa Wagner (BRA)
15 - Andressa Gomes (BRA)
16 - Neli Sunjic (CRO)
17 - Julia Candiotto (BRA)
18 - Alessandra Silva (BRA)
19 - Maria Vieira (BRA)
20 - Isabella Sarquis (BRA)
21 - Ana Laura Faria (BRA)
22 - Isabella Ciancaglini (BOL)
23 - Nina Gulbransen (EUA)
24 - Zana Ameti (EUA)
25 - Erika Cheng (BRA)
26 - Ana Melilo (BRA)

* sujeito a alterações até a data do início do torneio


Sobre os autores:

Gabriella Simões fez Fotografia Digital no Sesc e é associada a Arfoc/Brasil através da Arfoc/BA. Miguel Brusell é formado em Comunicação Social na UFBA, tem pós em Gestão de Informações para Multimeios na FTC e bloga desde 2003.
«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Comentar