Bahia Open de Jiu Jitsu será no Salesiano Dom Bosco - EsporteNaRede

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Bahia Open de Jiu Jitsu será no Salesiano Dom Bosco

Por motivo de força maior, o Bahia Open de Jiu Jitsu que, inicialmente, estava marcado para o Ginásio do Judô, em Lauro de Freitas, foi transferido para o Ginásio do Colégio Salesiano Dom Bosco, na Avenida Paralela.

 Bahia Open de Jiu Jitsu foi transferido para o Salesiano Dom Bosco.
Por: Miguel Brusell

Atletas de vários países estão chegado à Salvador para disputar o Bahia Open de Jiu Jitsu,que acontece neste domingo, e participar da Convenção Anual que reúne o Team Carvalho que acontece na sexta, na sede da FBJJ, na Barra, e no sábado, também no Ginásio do Salesiano Dom Bosco.

As inscrições para o Bahia Open Internacional de Jiu Jitsu, podem ser feitas até amanhã (19), no  site da Federação Baiana de Jiu Jitsu (www.fbjj.com.br) ou na sede da entidade que fica na Avenida Oceânica, na Barra. Com disputa em todas as categorias, de Mirim à Super Sênior, da faixa-branca à faixa-preta, a competição será realizada com supervisão técnica da Confederação Brasileira de Jiu Jitsu Esportivo (CBJJE).

Disputado pelo terceiro ano, o Bahia Open, que teve a primeira versão em 2012, dá a oportunidade para o atleta local participar de um evento internacional, com as regras e arbitragem supervisionada pela CBJJE, que organiza as principais competições do país. Todas as lutas, no peso e absoluto, serão no domingo.

Entre os atletas que já estão em Salvador, muitos aproveitando para aprimorar o treinamento, estão a judoca ex integrante do time olímpico dos Estados Unidos, Toni Geiger e Marck James que já conquistou por duas vezes o título de campeão mundial de Jiu Jitsu.

Treinando todos os dias, Toni veio à Bahia para aprimorar o seu desempenho no chão. "Através do Judô disputei competições em vários países, fiz parte do time Olímpico dos Estados Unidos, fui campeã em algumas, mas ganhei uma grande aprendizado de vida e hoje descobri Jiu Jitsu, pratico para ter uma saúde melhor e para ajudar as pessoas com quem possa treinar e passar a minha experiência", explica a americana.

Segundo Toni, o sensei Edson Carvalho abriu seus olhos para a luta no chão, que ela não praticava por ser atleta do Judô. "Treinando Jiu Jitsu com Edson Carvalho eu estou cuidando da saúde e ajudando as pessoas a conhecerem o Jiu Jitsu, como ela mesmo conheceu", explica.

Treinando Jiu Jitsu há nove anos Marck James também veio participar da convenção. "Estou aproveitando a estadia em Salvador para treinar todos os dias. Vim para participar da convenção da equipe, mas não vou ficar para disputar o Bahia Open porque preciso voltar para América", revela o atleta.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad