Augusto Miranda ministra seminário em Salvador - EsporteNaRede

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Augusto Miranda ministra seminário em Salvador

Depois de promover um salutar intercâmbio cultural com a China, através  do ensinamento do  Jiu Jitsu, o sensei baiano se muda para a Rússia e ministra  seminário neste domingo, à partir das 9 horas, na sede da FBJJ, na Barra, para dividir conhecimento com baianos.

O sensei baiano Augusto Miranda, o Guga se muda para a Rússia.
Por: Miguel Brusell
Fotos: Gabriela Simões

Depois de morar por cerca de dois anos e meio na China, o sensei Augusto Miranda, faixa preta graduado pela Federação Baiana de Jiu Jitsu (FBJJ), se mudou  para a Rússia abrindo mais um novo horizonte para os atletas filiados  à maior entidade do esporte na Bahia. "Estava na China  fazendo um trabalho bastante positivo e tive a oportunidade de abrir os horizontes da equipe na Rússia, abrir uma representação do Jiu Jitsu  baiano lá. Já estou trabalhando a quatro meses, formei uma galera legal e espero fazer um bom trabalho, divulgando a  equipe", revela o  sensei.

Acostumado com o calorão da Bahia,  Guga  está estabelecido na cidade de Yakutsk, conhecida como a mais fria do mundo, mas não vê o clima como um obstáculo  para realizar os  seus sonhos. "O começo foi bastante difícil, já peguei menos 50 graus, mas meu sonho é este. Quero crescer o meu nome  e o do Jiu Jitsu baiano também e espero poder continuar o trabalho firme  e forte", revela.

Neste quase três anos morando fora do Brasil, além de ter se casado  com uma russa e ter aumentado a  família com uma filhinha, Guga atingiu alguns  objetivos pessoais. "Está sendo bastante produtivo para a minha vida pessoal porque tive a oportunidade de conhecer várias outras modalidades como o Wrestling e o Sambo (N.E.: Arte marcial desenvolvida na União Soviética no início do século XX e reconhecida como esporte pela URSS desde 1938), aumentando o meu leque de opções para treinamento de atletas para o sem quimono e o MMA", revela.

Para os baianos, Guga vai promover um Seminário para apresentar algumas técnicas que  aprendeu  nestes  últimos anos. "O Seminário está aberto à todos atletas da Bahia, independente de ser filiado da FBJJ. Vou estar mostrando um pouco das minhas técnicas e o que aprendi lá fora, também, junto com outras modalidades, estilo de treinamento, o que passo nas minhas aulas,aberto à todos. Sejam bem vindos", finaliza o sensei.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad