Campeões sul-americanos vencem o Rip Curl Pro Junior - EsporteNaRede

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Campeões sul-americanos vencem o Rip Curl Pro Junior

O brasileiro Deivid Silva e a peruana Miluska Tello largaram na frente na busca pelo bicampeonato Sub-20 no World Surf League South America Pro Junior Series 2015.


Colaboração de texto: João Carvalho/ASP SouthAmerica
Colaboração de foto: Grupo Firbas/ASP

Os atuais campeões sul-americanos da categoria para surfistas com até 20 anos de idade confirmaram o primeiro lugar nos rankings com vitórias no Rip Curl Pro Junior Series San Bartolo Peru. A torcida peruana que lotou a Playa Norte de San Bartolo no sábado e vibrou com o bicampeonato consecutivo de Miluska Tello na final com a chilena Lorena Fica. Mas, na decisão masculina, o brasileiro Deivid Silva mostrou mais uma vez estar em excelente fase e derrotou o peruano Juninho Urcia com suas manobras modernas e aéreas arrancando grandes notas dos juízes, como já havia acontecido com os da Austrália em Newcastle, onde ele venceu o Pro Junior duas semanas atrás.

Os defensores dos títulos largam na frente do WSL South America Pro Junior Series 2015, que tem mais três etapas para definir os campeões sul-americanos e os representantes do continente no Mundial Pro Junior da World Surf League. O sábado decisivo do Rip Curl Pro Junior Series do Peru começou pelas quartas de final femininas e Miluska Tello já apresentou o seu backside agressivo nas direitas da Playa Norte.

A vitória sobre a brasileira Luara Thompson foi por massacrantes 17,00 a 3,10 pontos e depois Miluska ainda aumentou esse placar para 18,20 na reedição da final peruana do ano passado em San Bartolo. Ela derrotou Melanie Giunta mais uma vez nas semifinais e na decisão do título também aproveitou muito bem as suas ondas para liquidar a chilena Lorena Fica com uma larga vantagem de 15,84 a 10,00 pontos, somando notas 8,67 e 7,17 das duas melhores.

Na categoria masculina, os confrontos foram mais intensos e decididos por pequenas diferenças, com chances de qualquer um vencer até soar o sinal de término das baterias. Na decisão do título que fechou o Rip Curl Pro Junior Series San Bartolo, Deivid Silva fez uma boa escolha de ondas e surfou a melhor que entrou na bateria para praticamente garantir a vitória com nota 8 que recebeu dos juízes. A maior que o peruano Juninho Urcia conseguiu foi 6,67 e o placar terminou em 14,00 a 12,34 pontos, com Deivid Silva levando o prêmio máximo de 2.500 dólares para a categoria de surfistas profissionais com até 20 anos de idade.

Decisão reeditada nas semifinais -Para chegarem na decisão do título em San Bartolo, os finalistas passaram por confrontos difíceis nas semifinais, ambos vencidos por exatos 14,30 pontos. No duelo brasileiro que definiu o primeiro finalista, Deivid Silva computou notas 7,50 e 6,80 para superar os 13,55 pontos do também paulista Samuel Pupo, que recebeu 7,00 e 6,55 em suas duas melhores ondas. Já o peruano Juninho Urciaigualou o placar de Deivid Silva com notas 7,25 e 7,05 na vitória sobre o brasileiro Luan Wood.

Esta bateria reeditou a decisão do título sul-americano de 2013 em Lobitos, norte do Peru, quando Juninho Urcia também tinha perdido em casa para o catarinense Luan Wood. Os dois já estão em sua terceira temporada disputando as seletivas da América do Sul e nas outras duas conseguiram vagas para o Mundial Pro Junior. Juninho Urcia avançou para disputar mais uma final e Luan Wood dividiu o terceiro lugar no Rip Curl Pro Junior Series San Bartolo com o paulista Samuel Pupo, com cada um ganhando 560 pontos e 1.000 dólares de prêmio.

Próximas seletivas - A WSL South America tem mais três etapas programadas para definir os campeões sul-americanos e os classificados para disputar o título mundial Pro Junior de 2015 da World Surf League, todas com as categorias masculina e feminina. A próxima é a novidade do calendário, o segundo Rip Curl Pro Junior Series em Mar del Plata, de 30 de março a 03 de abril na Argentina. Depois vêm as mesmas duas etapas que fecharam o ranking sul-americano no ano passado e o Red Nose Pro Junior em Baía Formosa, onde surgiu o novo top do WCT, Italo Ferreira, no litoral sul do Rio Grande do Norte. Como em 2014, a Red Nose promove a única seletiva no Brasil nos dias 6 a 9 de agosto e o Peru fecha os rankings sul-americanos Pro Junior no Chicama Pro Junior na semana de 9 a 13 de setembro nas longas esquerdas de Chicama, em La Libertad, no norte do país andino.


RESULTADOS DO ÚLTIMO DIA DO RIP CURL PRO SERIES SAN BARTOLO:
Campeão: Deivid Silva (BRA) por 14.00 pontos (notas 8.00+6.00) - US$ 2.500 e 1.000 pontos
Vice-campeão: Juninho Urcia (PER) com 12.34 pontos (6.67+5.67) - US$ 1.500 e 750 pontos

SEMIFINAIS - 3.o lugar com 560 pontos e US$ 1.000 de prêmio:
1.a: Deivid Silva (BRA) 14.30 x 13.55 Samuel Pupo (BRA)
2.a: Juninho Urcia (PER) 14.30 x 11.85 Luan Wood (BRA)

FINAL FEMININA DO RIP CURL PRO SERIES SAN BARTOLO PERU:
Campeã: Miluska Tello (PER) por 15.84 pontos (notas 8.67+7.17) - US$ 1.000 e 1.000 pontos
Vice-campeã: Lorena Fica (CHL) com 10.00 pontos (5.73+4.27) - US$ 400 e 750 pontos

SEMIFINAIS FEMININAS - Derrota=3.o lugar com 560 pontos e US$ 250 de prêmio:
1.a: Lorena Fica (CHL) 13.35 x 12.85 Josefina Ane (ARG)
2.a: Miluska Tello (PER) 18.20 x 14.75 Melanie Giunta (PER)

QUARTAS DE FINAL - Derrota=5.o lugar com 420 pontos e US$ 150 de prêmio:
1.a: Josefina Ane (ARG) 15.15 x 11.60 Lucia Cosoleto (ARG)
2.a: Lorena Fica (CHL) 13.00 x 4.30 Paula Atucha (PER)
3.a: Miluska Tello (PER) 17.00 x 3.10 Luara Thompson (BRA)
4.a: Melanie Giunta (PER) 11.50 x 10.85 Vania Torres (PER)

PRÓXIMAS ETAPAS DO WORLD SURF LEAGUE SOUTH AMERICA PRO JUNIOR SERIES 2015:
Mar 30-03: Rip Curl Pro Junior Series na Playa Grande de Mar del Plata - Argentina
Ago 06-09: Red Nose Pro Junior no Pontal de Baía Formosa, Rio Grande do Norte - Brasil
Set 09-13: Chicama Pro Junior em Puerto Chicama, La Libertad - Peru

TOP-16 DO RANKING SUL-AMERICANO PRO JUNIOR DA WSL SOUTH AMERICA - 1.a etapa:
1.o: Deivid Silva (BRA) - 1.000
2.o: Juninho Urcia (PER) - 750
3.o: Luan Wood (BRA) - 560
3.o: Samuel Pupo (BRA) - 560
5.o: Lucas Silveira (BRA) - 420
5.o: Alcides Lopes (BRA) - 420
5.o: Sebastián Correa (PER) - 420
5.o: Alonso Correa (PER) - 420
9.o: Tomas Tudela (PER) - 300
9.o: Joaquin Del Castillo (PER) - 300
9.o: Lucca Saldivar (PER) - 300
9.o: Marcos Correa (BRA) - 300
13: Gustavo Ramos (BRA) - 300
13: Aurelio Prieto (EQU) - 280
13: Theo Fresia (BRA) - 280
13: Nathan Kawani (BRA) - 280

TOP-8 DO SUL-AMERICANO PRO JUNIOR FEMININO DA WSL SOUTH AMERICA - 1.a etapa:
1.a: Miluska Tello (PER) - 1.000 pontos
2.a: Lorena Fica (CHL) - 750
3.a: Josefina Ane (ARG) - 560
3.a: Melanie Giunta (PER) - 560
5.a: Vania Torres (PER) - 420
5.a: Lucia Cosoleto (ARG) - 420
5.a: Luara Thompson (BRA) - 420
5.a: Paula Atucha (PER) - 420


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad