Bruno Romano domina SP Contest, em Itamambuca (SP) - EsporteNaRede

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Bruno Romano domina SP Contest, em Itamambuca (SP)

O paulista Bruno Romano comandou o show de surf na categoria Open da segunda etapa do circuito Surf Trip SP Contest, encerrada em ondas com cerca de 1 metro na praia de Itamambuca, em Ubatuba (SP).

Colaboração de texto: Nancy Geringer/SPContest
Colaboração de Fotos: Munir El Hage/SP Contest

Embalado após a ótima performance de sábado, ele descolou uma onda 8.75 nos instantes finais e deixou para trás o veterano Freddy Jacob, de 46 anos, que liderou boa parte da disputa, além de o campeão da prova de abertura, Gregório Mota.

“O nível do evento aumentou muito, está cada vez mais difícil. Mas, virei a bateria novamente, com uma bela direita. Este canto (direito de Itamambuca) é mágico”, comenta Romano, que costuma surfar ali, justamente com seu adversário (e amigo) Freddy Jacob.

Entretanto, a terceira colocação ainda mantém Mota na liderança do circuito, seguido por Eduardo Maia, quinto colocado em Ubatuba. Vale lembrar que o campeão do circuito contabiliza os três melhores resultados – de quatro etapas com direito a um descarte.

Com pique de garoto, antes da final Open, Jacob já havia garantido a segunda vitória na Grand Master para seguir na liderança isolada no ranking. Em segundo ficou Du Kutica, terceiro colocado na abertura do Surf Trip SP Contest; em terceiro Sérgio Todesco e em quarto Victor Banys.

"Estou muito feliz por vencer aqui em Itamambuca, local que considero minha casa, com toda família e amigos presentes. O campeonato teve uma energia ótima e ainda fui vice na Open, com a minha idade (46 anos). São muitos motivos para comemorar", comenta Jacob.

Entre os masters, Pedro Oliveira também segue invicto na liderança do ranking. Ele levou a melhor ao superar Ricardo Saheli (2o), Flávio Boca Oliveira (3o) e Oswaldo Domingos (4o). “Surfo pouco em Itamambuca, mas consegui repetir o bom resultado da primeira etapa e ainda fiquei em quinto na Open. Faltam alguns degraus para garantir o título (Master), mas estou confiante no bicampeonato”, revela.

Frequentador assíduo de Itamambuca, Fábio Bacalhau superou o líder do ranking (e bicampeão do circuito) no Longboard, Alex Miranda. Em mais uma final, Bruno Romano foi o terceiro colocado e em quarto ficou Léo Paioli, recordista de títulos com sete no currículo. “O evento está de parabéns, só tenho a agradecer e agora é comemorar”, destaca Bacalhau.

No stand up, o novato Felippe Gaspar, de apenas 15 anos, considerado revelação da modalidade, não deu chances aos adversários. Logo atrás ficou Lucas Dias, com Alex Durand em terceiro e Claudio Chain na quarta posição. Porém, Roger Marques, primeiro colocado no Guarujá e barrado na semifinal em Ubatuba, manteve a pole, com Chain logo atrás na classificação geral.

Entre os juniores, repeteco do resultado da primeira etapa. Thiago Menezes foi o vencedor, enquanto Fernando Bernardinello obteve o segundo lugar. Eles seguem dominando a classificação geral, em primeiro e segundo lugares respectivamente. Felippe Gaspar mostrou suas habilidades com a pranchinha para garantir a terceira posição, e Leonardo Romano ficou em quarto.

No feminino, vitória de Luna Rebello seguida por Luara Diamante (2a), Renata Bosquetti (3a) e Paula Capobiano (4a). No ranking, Luna e Luara seguem empatadas em primeiro lugar com 1.900 pontos.

A prova contou ainda com uma disputa entre atletas locais, vencida por Emerson Santos. A terceira etapa rola entre os dias 13 e 14 de setembro, em Maresias, e a quarta e última na praia do Tombo, no Guarujá, entre os dias 22 e 23 de novembro.

O Surf Trip SP Contest tem patrocínio oficial da rede de lojas Surf Trip. Apoio: Oakley, Quiksilver, Hang Loose, Reef, Rusty, Volcom, Freesurf, Roxy, Onbongo, Kenner, Glasser Surfboards, BHS e Widex Travel.

Realização: Associação de Surf da Grande São Paulo, Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS), Prefeitura de Ubatuba por intermédio da Secretaria de Esportes.


Resultado:
Open:
1º) Bruno Romano
2º) Freddy Jacob
3º) Gregório Mota

Junior:
1º) Thiago Menezes
2º) Fernando Bernardinello
3º) Felippe Gaspar
4º) Leonardo Romano

SUP:
1º) Felippe Gaspar
2º) Lucas Dias
3º) Alex Durand
4º) Claudio Chain

Master:
1º) Pedro Oliveira
2º) Ricardo Saheli
3º) Flávio Boca Oliveira
4º) Oswaldo Domingos

Gran Master:
1º) Freddy Jacob
2º) Du Kutica
3º) Sérgio Todesco
4º) Victor Banys

Longboard:
1º) Fábio Bacalhau
2º) Alex Miranda
3º) Bruno Romano
4º) Leo Paioli

Feminino:
1º) Luna Rebello
2º) Luara Diamante
3º) Renata Bosquetti
4º) Paula Capobiano

Open Local:
1º) Emerson Santos
2º) Maicon Santos
3º) Carlos André
4º) Rogério Ramos

Ranking:
Open:
1º) Gregório Mota – 1810 pontos
2º) Eduardo Maia – 1466 pontos
3º) Bruno Romano – 1387 pontos
4º) Pedro Oliveira – 1312 pontos

Junior:
1º) Thiago Menezes – 2000 pontos
2º) Fernando Bernardinello – 1800 pontos
3º) Leonardo Romano – 1539 pontos
4º) Felippe Gaspar – 810 pontos

Stand Up:
1º) Roger Marques – 1656 pontos
2º) Claudio Chain – 1629 pontos
3º) Alex Durand – 1466 pontos
4º) Mauricio Lobo – 1385 pontos

Master:
1º) Pedro Oliveira – 2000 pontos
2º) Oswaldo Domingues – 1539 pontos
3º) Flavio Boca – 1466 pontos
4º) Ricardo Saheli – 1431 pontos

Gran Master:
1º) Freddy Jacob – 2000 pontos
2º)  Du Kutica – 1710 pontos
3º) Paulo Menezes – 1556 pontos
4º) Sérgio Todesco – 1466 pontos

Longboard:
1º) Alex Miranda – 1900 pontos
2º) Fabio Bacalhau – 1656 pontos
3º) Eduardo Domingos – 1556 pontos
4º) Bruno Romano – 1466 pontos

Feminino:
1º) Luara Diamante - 1900
2º) Luna Rebello  - 1900
3º) Yohana Sarandini - 810
4º) Renata Bosquetti  - 810


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad